A sociedade protetora dos animais de Winnipeg, no Canadá, divulgou uma notícia e uma foto de Freda Watson e do seu gatinho preto e branco, de nome George, no momento do reencontro.

Uma pessoa achou o George nas ruas e decidiu levá-lo à Winipeg Humane Society. A partir daqui, a equipe desta organização começou a procurar as pessoas responsáveis pelo George.

Mas houve um fator determinante: O George tinha uma tatuagem de identificação. Embora algo apagada, a equipa conseguiu decifrá-la, conduzindo-os ao nome de Freda após alguma pesquisa.

A sociedade conseguiu falar com uma cunhada de Freda, avisando-a que o gatinho tinha sido encontrado.

De acordo com a notícia divulgada pelo portal brasileiro S2 Notícias, Freda disse que o reencontro foi emocionante e que ela nem dormiu na noite anterior. George ficou mais amigável ao reconhecer a dona, segundo os presentes.

A família acredita que alguém tenha cuidado deste gatinho, que segundo eles, tem 13 anos.

Winnipeg Humane Society é uma organização sem fins lucrativos que tem como missão proteger os animais do sofrimento e promover seu bem-estar e dignidade.

Esta Instituição, sedeada na capital e maior cidade da província canadense de Manitoba, conta com o trabalho de voluntários e é financiada principalmente por doações e eventos especiais.

Deixe uma resposta

Por favor insira o seu comentário
Por favor insira o seu nome