Setúbal lança medidas para controlar sobrepopulação de gatos na Lisnave

Esta iniciativa vem no seguimento da preocupação manifestada pela Lisnave à autarquia relativamente à existência de um elevado número de gatos nos estaleiros da Mitrena,

0
2596

A Câmara Municipal de Setúbal aprovou ontem, em reunião pública, a celebração de um protocolo de colaboração com três entidades que visa o controlo da sobrepopulação de gatos no estaleiro da Lisnave, na área industrial da Mitrena.

O protocolo a celebrar com a Lisnave – Estaleiros Navais, S.A. e os seus parceiros Tico & Teco – Associação de Luta e Prevenção Contra o Abandono Animal e Multipet – Indústria e Comércio, Lda. regula as condições de recolhida dos felídeos existentes naquela zona, bem como os aspetos relacionados com esterilização, alimentação e prestação de cuidados de saúde.

A iniciativa resulta de uma preocupação manifestada pela Lisnave à autarquia relativamente à existência de uma sobrepopulação de gatos nos estaleiros da Mitrena, tendo em conta os riscos associados à presença em locais onde podem causar acidentes.

Nesse sentido, a empresa solicitou a colaboração dos serviços municipais na implementação de um programa de controlo populacional dos felídeos, através da captura, esterilização e devolução dos mesmos.

No âmbito do protocolo, a autarquia procede à captura dos gatos existentes nos estaleiros da Mitrena, cabendo à Lisnave suportar os custos financeiros de toda a operação.

O protocolo tem a duração máxima de dois anos a contar da data de início da retirada dos gatos até à captura de todos os animais.

Deixe uma resposta

Por favor insira o seu comentário
Por favor insira o seu nome