Com o frio a chegar, tenham cuidado com os animais abrigados nos carros

0
865

Com o inverso e o tempo frio, os animais de rua – e não só – têm por hábito procurar locais mais aconchegados ou quentes que os protejam da chuva e do vento. Neste sentido, os motores dos carros e o espaço entre a roda e os guarda-lamas são os abrigos ideais para estes pequenos animais, em especial os gatos, se possam refugiar.

O destaque a este tema é dado pelo MOTOR 24 que presta alguns conselhos para quem vai iniciar uma viagem de carro. Abrir o capot do veículo antes de colocar o motor em funcionamento pode ser a primeira coisa a fazer, com uma pequena vistoria para averiguar se no seu compartimento não se encontra nenhum felino. Geralmente, o barulho e a movimentação decorrente da abertura do capot são suficientes para assustar o animal e fazer com que ele saia de dentro daquele local.

“Caso não consiga – por chuva ou frio – proceder à vistoria do motor, pode dar umas quantas palmadas no capot e junto às cavas das rodas, para que o barulho possa alertar os gatos e os afastar do motor ou até do topo do pneu. Uma buzinadela pode também ter efeito.” adianta o MOTOR 24.

Outra técnica a que pode recorrer antes de colocar o carro a trabalhar é chamar os felinos e servir-lhes uma refeição. Assim, eles não só deixarão de imediato os locais onde eventualmente se encontram no interior do veículo, como permanecerão entretidos nessa sua hora de alimentação enquanto inicia a sua marcha com o veículo.

Com o frio a chegar, convém tomar todas as precauções antes de seguir viagem. Os gatos agradecem!

Deixe uma resposta

Por favor insira o seu comentário
Por favor insira o seu nome