Gatinho Goose vira grande atração do filme ‘Capitã Marvel’

Capitã Marvel é um filme baseado na personagem homónima da Marvel Comics, produzido pela Marvel Studios e distribuído pela Walt Disney Studios Motion Pictures, sendo o vigésimo primeiro filme do Universo Cinematográfico Marvel

1
585

Por essa notícia ninguém esperava! Embora todos os filmes da Marvel tenham colecionado incríveis sucessos de bilheteira e crítica, ninguém poderia imaginar que um gatinho seria a “sensação” do “Capitã Marvel”, filme mais recente da série, com estreia prevista para a segunda semana de março em todo o planeta.

Prova disso é que uma campanha da Disney, feita no Brasil e que propunha doar R$ 1 (um real) ao Instituto de proteção animal Luiza Mel a cada foto de gatinho postada nas redes sociais com a hashtag #GooseOGato, terminou em apenas um dia atingindo o limite máximo de 50 mil postagens.

Goose é companheiro da protagonista Carol Denvers, interpretada pela atriz Brie Larson e, dado o sucesso do gatinho, no dia 20 de fevereiro, pouco antes da estreia mundial, a Marvel fez um vídeo para lhe prestar homenagem, que já tem mais de 230 mil visualizações reunindo diversas aparições dele no filme.

Na história em banda desenhada Goose é Chewie, um alienígena da espécie Flerken com poder de se teletransportar por diversas dimensões e inteligente o bastante para entender a linguagem humana. Além disso, na história original, ele pode soltar grandes tentáculos como os de um polvo para se defender. Mas na versão cinematográfica não se sabe se Goose terá características idênticas ao gatinho da banda desenhada.

Nas cenas finais do segundo trailer oficial do filme, Goose aparece a ser acariciado por Nick Fury (Samuel Jackson) e foi justamente essa cena que encantou os amantes de gatos do mundo inteiro:

Goose é interpretado por quatro gatos amarelos, mas há trechos feitos com computação gráfica evitando que os gatinhos sejam submetidos a cenas violentas. Brie Larson confessou que as cenas com os felinos foram as mais difíceis porque é alérgica a gatos e necessitou de tomar remédios nas gravações e de se esforçar para não espirrar em vários momentos.

Resta esperar para ver o astro felino conquistar ainda mais corações e concorrer (quem sabe?) ao próximo Oscar.

1 Comentário

  1. Vou assistir esse filme com certeza….. amo filmes que colocam animais nas cenas e que possam passar boas energias cativando o telespectador….👍🏼👍🏼😘

Deixe uma resposta

Por favor insira o seu comentário
Por favor insira o seu nome