Militares da GNR salvam seis cachorros abandonados. Um deles já foi adotado.

O caso aconteceu em Paços de Ferreira, distrito do Porto. Os animais foram encontrados dentro de um saco do lixo no meio da vegetação.

0
185
Os animais foram rapidamente alimentados pelos militares GNR (Foto: Página facebook da GNR - Comando Territorial do Porto)

Uma ninhada de seis cães foi resgatada por militares da GNR, no passado domingo, numa zona de mato na localidade de Ferreira, Paços de Ferreira. Os animais estavam dentro de um saco do lixo, escondidos no meio da vegetação.

A notícia vem publicada no Correio da Manhã, que refere que os cães sobreviveram todos.

Cinco destes animais estão agora entregues à Associação ‘Os Pecaninos’, também do concelho de Paços de Ferreira. O sexto já tem mesmo uma nova família que o acolheu.

A imagem pode conter: sapatos, relva, ar livre e natureza
Os animais estavam escondidos no meio da vegetação. Foto: Página do facebook da GNR – Comando Territorial do Porto

Ainda conforme avança o Correio da Manhã, foram militares do Posto Territorial de Freamunde, que passavam no local e que ouviram os latidos dos animais, que acabaram por encontrá-los no interior do saco. Ao que tudo indica, terão sido abandonados de forma propositada no meio do mato e, pelo estado de saúde que apresentavam, terá sido pouco tempo antes de os guardas ali passarem. Os seis cachorros estavam aparentemente assustados e com fome, mas sem problemas de maior.

A imagem pode conter: 1 pessoa
Foto: Página do facebook da GNR – Comando Territorial do Porto

Os animais foram rapidamente alimentados pelos GNR e as imagens foram divulgadas pelo Comando Territorial da GNR do Porto. De seguida foram encaminhados para um veterinário que lhes prestou todos os cuidados necessários.

A publicação nas redes sociais – com destaque para um militar a dar o biberão aos cachorros – recebeu centenas de gostos e partilhas, além de comentários elogiosos e perguntas sobre o estado de saúde dos seis pequenos cães.

Uma das crias já foi adotada e tem casa. Ficou logo com um popular que esteve no local na altura em que foi salvo pelos militares. Os restantes animais, depois de serem vistos pelo veterinário, continuam na Associação ‘Os Pecaninos’ a aguardar por uma nova família que os possa acolher.

Cliquem na imagem para conhecer melhor a Associação Os Pecaninos

Deixe uma resposta

Por favor insira o seu comentário
Por favor insira o seu nome