Portugal é o segundo pais da Europa a disponibilizar uma Câmara Hiperbárica para animais

A primeira câmara hiperbárica em Portugal para animais está disponível no Centro de Reabilitação e Regeneração Animal de Lisboa (CR2AL), em Odivelas, e está a funcionar há dois meses. Atualmente existem apenas dois equipamentos em toda a Europa.

0
89

A tecnologia que prepara mergulhadores para submergir no mar foi adaptada à medicina humana e agora também ajuda cães e gatos com problemas de saúde a terem melhor qualidade de vida.

A primeira câmara hiperbárica em Portugal, e segunda na Europa, totalmente direcionada para a medicina veterinária, está disponível no Centro de Reabilitação e Regeneração Animal de Lisboa (CR2AL), em Odivelas.

A câmara está a funcionar há cerca de dois meses, recebendo pacientes direccionados por médicos veterinários, depois de avaliados por uma equipa multidisciplinar.

Este equipamento é composto por um aparelho estanque, parecido com um minissubmarino branco. No interior é fornecido ao paciente uma alta dose de oxigénio a uma pressão superior à da atmosfera, durante um período de tempo adaptado ao caso.

Sob pressão, “o oxigénio entra mais depressa na corrente circulatória”, permitindo maior oxigenação e, consequentemente, maior regeneração de todos os tecidos, inclusive a nível central do sistema nervoso, explicou Ângela Martins, responsável pelo CR2AL, médica veterinária, professora universitária na Lusófona e directora do Hospital Veterinário da Arrábida.

A implementação desta Câmara Hiperbárica para reabilitação funcional, especialmente para cães e gatos, poderá, também, ser utilizada noutras espécies animais.

Ângela Martins, médica veterinária responsável por este novo projeto e diretora do Hospital Veterinário da Arrábida, realça os benefícios da medicina hiperbárica para a medicina veterinária, sendo estes inerentes a uma panóplia de etiologias possíveis de tratamento primário ou tratamento adjuvante.

Author: Miau Magazine

Deixe uma resposta

Por favor insira o seu comentário
Por favor insira o seu nome